Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Caloira aos 26

A professora que decidiu ser contabilista

Caloira aos 26

A professora que decidiu ser contabilista

Um aula sobre... matança, basicamente

Toda a gente tem profs. estranhos: aqueles que a meio da aula vão para o mundinho deles durante uns segundos, os que são despistados, os stressados... Mas eu tenho uma professora que em todos os exemplos que dá mata alguém. Ou porque é um velhinho que o filho decide matar para ficar com a herança, ou porque se mata um sem-abrigo, ou porque se mata a vizinha... Eu não sei, mas contas redondas, por aula, "matamos" à volta de 10 pessoas, sem qualquer problema. Todos os exemplos são sobre matar. Em dias mais leves fala em mal-tratar umas quantas pessoas: deixar uma velhinha à fome, deixar crianças no carro ao calor... Esta senhora mete os roubos/assaltos num nível em que praticamente nem se consideram crime.

 

Isto é pedagógico?